quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Polícia Federal projeta Museu de Ciências Forenses e revigora Cidade Jardim

Superintendente Sérgio Menezes
A Polícia Federal em Minas Gerais vai transformar o prédio abandonado há 13 anos no mais valorizado bairro da Capital no Museu de Ciências Forenses.

Esta é uma iniciativa ousada, criativa, que vai aproximar a Polícia Cidadã com os cidadãos da Cidade Jardim, os belo-horizontinos, e revigorar o bairro em seu urbanismo e beleza, uma vez que o prédio da antiga faculdade de Odontologia vai se harmonizar com a área circundante.

O superintendente da Polícia Federal em Minas Gerais, Sérgio Menezes, apresentou ontem, dia 24, nesta terça-feira, o projeto aos representantes dos moradores dos bairros da Cidade Jardim e Santo Antônio e frequentadores do Parque da Barragem Santa Lúcia, respectivamente Eduardo Calazans, Gegê Angelino e Eustáquio Augusto dos Santos.

O prédio da antiga Escola de Odontologia e terrenos na rua Josafá Belo, 265, foram destinados pela Secretaria de Patrimônio da União para a Polícia Federal instalar seu Museu de Ciências Forenses, um Museu Vivo. 

Que está sendo pensado por museólogos, arquitetos e peritos técnicos da própria PF, cujos laboratórios serão instalados em parte das dependências do museu. Serão laboratórios visitáveis, como existe em alguns países.


Participaram da reunião também os peritos técnicos Gyovany de Faria Gomes, Marcus Vinicius de Oliveira Andrade, Amilton Soares Junior, Eduardo Mendes Cardoso, Alexandre Henrique Sausmikat, Wenderson do Carmo Maia, além do consultor Luis Eguinoa, da empresa Projetos e Gestão Cultural.

Reunião com o superintendente da PF, Sérgio Menezes

Prédio da antiga Faculdade de Odontologia, na Cidade Jardim, que agora vai virar Museu de Ciências Forenses

4 comentários:

  1. Maria Angélica de Oliveira e Silva25 de fevereiro de 2015 10:38

    Graças a Deus vocês vão dar uma boa destinação a este prédio abandonado. Sempre passo por ali e nunca me conformei com a sujeira e pichações. E agora esta notícia de um museu, e ainda mais da Polícia federal! Que alegria. Sejam bem-vindos.

    ResponderExcluir
  2. Será que vai ter verba para montar o museu?
    A reforma da Escola de Farmácia demorou anos e anos para ser a nova sede da Secretaria da Receita Federal em BH e somente no final do ano passado começou a ser ocupada, mesmo sem ter terminado as obras.
    Vamos esperar sentados!

    ResponderExcluir
  3. Amaury Teixeira Machado25 de fevereiro de 2015 14:38

    Concordo - e assino embaixo - com o comentário de Maria Angélica.
    Morador há mais de 30 anos por estas "bandas" de BH, sempre me
    senti incomodado com o abandono, nos últimos anos, do prédio da antiga faculdade.
    Ainda mais que a praça em frente está sendo bem aproveitada pela
    comunidade, especialmente as crianças. Vai ser um bom intercâmbio.

    ResponderExcluir
  4. ivankallas@oi.com.br25 de fevereiro de 2015 15:30

    Solução tarda mas não falha. É uma boa notícia.
    Até que enfim o assunto esta sendo encaminhado positivamente.
    Não só é uma boa idéia o museu, como uma boa vizinhança para o museu da cidade que já está ao lado.
    Parabéns ao Gegê, Calazans, Eustáquio e para todos os cidadãos que atuaram neste sentido. Parabéns ao Dr. Sérgio Menezes da Polícia Federal.
    Esperamos que seja rápido.

    ResponderExcluir